imagem de duas pesoas conversando e uma com a mão no nariz sentindo o mau hálito

Halitose: causas e tratamentos

A halitose é um problema comum, mas nem sempre é percebida por quem tem essa condição. Trata-se do famoso mau hálito, que pode causar sensação de repulsa em algumas pessoas.

Aqui, indicamos o que é halitose, quais são suas causas e formas de tratamento. Confira e saiba como se livrar desse problema de uma vez por todas e de maneira segura!

 

O que é halitose?

Trata-se de uma condição na qual a pessoa exala um mau cheiro pela boca. O diagnóstico é feito pelo médico, normalmente um clínico geral, ou por um dentista. Em casos específicos, pode-se utilizar o halímetro para diagnóstico, que é um aparelho que mede o grau da halitose.

 

O que causa a halitose?

A halitose pode ser provocada por diferentes fatores. Daí a importância de um diagnóstico feito por um médico ou dentista: assim, dá para tratar pontualmente a causa do problema, eliminando-o com eficácia.

Curiosamente, existem algumas causas que são recorrentes. A seguir, apresentamos quais são elas! Acompanhe e saiba o que pode provocar esse problema:

 

Acúmulo de bactérias

A cavidade oral, especificamente o fundo dela, tem pouca saliva e criptas em que bactérias podem se acumular. Curiosamente, nessa região também podem ficar partículas de alimentos que são digeridas pelas bactérias. Quando isso ocorre, há a possibilidade de exalar mau cheiro pela boca.

Outra situação que pode levar ao acúmulo de bactérias no fundo da cavidade oral é o gotejamento de muco dos seios da face na faringe. As bactérias da região digerem as proteínas do muco e durante esse processo há a liberação do odor desagradável.

 

Má saúde bucal

Uma saúde bucal inadequada provoca mau hálito devido a problemas como abscessos, cáries, inflamação na gengiva e má higiene, que deixa restos de alimentos na língua e entre dentes.

 

Baixa salivação

A baixa salivação desencadeia um quadro de halitose, porque propicia um maior acúmulo de bactérias na região. É justamente por esse motivo que ao acordar as pessoas têm mau hálito, porque nesse momento de descanso a produção de saliva baixa expressivamente.

 

Desidratação e jejum

Quadros de desidratação e jejum estimulam a halitose porque provocam o ressecamento da boca e uma baixa produção de saliva por um longo período, levando à proliferação de bactérias e liberação do mau odor.

 

Saburra lingual

A saburra é a placa de bactérias na língua, deixando-a com uma cor esbranquiçada. Em alguns casos, também pode ficar amarelada ou amarronzada, começando no fundo da língua e avançando por toda a sua extensão.

 

Infecção

As infecções de estruturas da face, como a boca e garganta, também provocam a halitose devido à presença de microrganismos. É por isso que pessoas com amidalite ou sinusite normalmente têm mau hálito.

 

Respiração pela boca

A respiração pela boca causa o ressecamento dessa região, de modo a desestabilizar a mucosa e provocar a halitose. Em casos assim, recomenda-se uma reeducação da respiração.

 

Implicações da halitose

A halitose tem uma série de implicações, porque geralmente causa timidez e vergonha em quem passa por esse problema, tirando sua coragem de interagir socialmente e profissionalmente.

As pessoas que fazem parte de seu círculo social costumam se afastar naturalmente, devido à sensação de repulsa que a halitose provoca. Esse afastamento reforça ainda mais a vergonha do paciente, além de aumentar a chance de gerar problemas de imagem.

É por isso que é importante investir em tratamento para mau hálito, para evitar as implicações que esse problema pode trazer, melhorando a qualidade de vida do paciente.

 

Como tratar a halitose

A forma mais eficaz de tratar a halitose é eliminar a causa dessa condição. Por exemplo, se ela for provocada por uma má higienização bucal, passe a realizá-la regularmente, seguindo as orientações de seu dentista.

Se a causa for um reflexo de infecções em estruturas da face, trate essas doenças e o mau hálito sumirá. Quando identificar que está com halitose, procure um clínico geral e/ou um dentista para analisar a causa do problema e tratá-la pontualmente, eliminando-o com eficácia.

 

Formas de evitar a halitose

Existem dicas fáceis de serem adotadas no seu dia a dia que reduzem o risco de ter halitose e também ajudam a eliminar esse problema. Confira quais são:

  • Beba mais água para manter a boca umedecida por um maior período;
  • Não faça jejum. Além de dar mau hálito, também prejudica sua saúde;
  • Faça uma higienização adequada da boca sempre que se alimentar. Inclusive, essa é uma das dicas de como combater a halitose mais importantes e simples de serem adotadas no dia a dia;
  • Trate infecções associadas às estruturas da face;
  • Visite seu dentista regularmente, para identificar e tratar problemas que podem dar mau hálito;

Use suplementos naturais manipulados de tratamento para halitose, como os que possuem alcachofra, zedoária e clorella, que são altamente eficazes no combate ao mau hálito e seu consumo é seguro, contribuindo positivamente para sua saúde.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *